baguaO Ba-guá é uma figura octogonal com oito trigramas do I Ching inscritos em seu interior. Quando é colocado na porta de um imóvel para proteção de algum tipo, costuma-se colocar um espelho em seu interior.

A descrição acima carece de maiores comentários para qualquer pessoa que tenha lido ou ouvido falar de Feng Shui (e hoje em dia, quem não ouviu?). Mas o que é muito importante é saber de um detalhe que a maioria dos consultores e estudantes desta arte desconhece: a existência de mais de um Ba-guá. Existem basicamente dois desenhos, sendo que um é utilizado para proteção e outro para análise do imóvel. Trocar um pelo outro não apenas inviabiliza o estudo mas pode comprometer o equilíbrio do local!

Dois Caminhos

Existem vários possíveis Ba-guás, nascidos das combinações entre os oito trigramas. Destes, dois são principais: o do Céu Anterior (Xian Tian) e o do Céu Posterior (Hou Tian).

O Ba-guá do Céu Anterior traz os trigramas numa ordem harmônica, sendo que os trigramas opostos são espelhados. Isso retrata uma ordem e uma harmonia completa, inexistente em nosso atual Universo. Por isso chama-se esse Ba-guá de "Céu Anterior", pois retrata as energias num estado anterior à criação de nosso Universo.

bagua anterior

Já o Céu Posterior é diferente. Seus trigramas estão dispostos em uma maneira cíclica, onde o movimento de cada trigrama passa para o próximo, começando com "Trovão" e finalizando em "Montanha", quando um novo ciclo principia. Esse movimento cíclico, no sentido horário, é considerado como o grande representativo de nosso próprio Universo, que como o I Ching preconiza, está em constante mutação. Esse movimento constante é demonstrado claramente por este Ba-guá.

bagua posterior

O Momento da Escolha

O segredo da eficiência está em se escolher o Ba-guá correto para cada aplicação. Isso não é difícil, na verdade, e só é ignorado pela maioria dos consultores e estudantes de Feng Shui moderno por simples ignorância dos princípios mais fundamentais da filosofia chinesa. Nenhuma "cura" ou estudo de Feng Shui pode funcionar se for desrespeitado quaisquer dos fundamentos filosóficos taoístas que lhe deram origem. É simples assim. Mas vamos aos Ba-guás!

O Ba-guá do Céu Anterior deve ser utilizado para proteção e decoração. Todo tipo de camiseta ou peça de roupa, pôsteres, banners, logotipos, etc… que utilizam esta figura deveriam ostentar esse tipo de Ba-guá. Por ser representante de uma harmonia absoluta, ele invoca forças primordiais do Universo e pode proteger o local onde é afixado. Esse é o princípio do Ba-guá pendurado acima da porta principal (eu disse acima, e não na porta!): o espelho interno reflete energias que tentam entrar no imóvel, enquanto os trigramas em volta funcionam como um filtro energético, barrando apenas as energias nefastas (Sha Chi).

O Ba-guá do Céu Posterior se aplica a qualquer tipo de estudo relacionado com algo em nosso próprio Universo. Assim, para se estudar uma planta de um imóvel coloca-se sobre ela um Ba-guá do Céu Posterior, pois o imóvel existe em nosso Universo. Da mesma forma, a Acupuntura, por exemplo, utiliza sempre o Ba-guá do Céu Posterior em suas técnicas. Ele lida com questões materiais, mais palpáveis, como um imóvel ou uma pessoa. Por isso, se você pendurar esse Ba-guá na porta de sua casa, ele pode barrar a entrada de coisas MATERIAI$. Será que fui claro?

Recapitulando: a grosso modo, podemos dizer que o Ba-guá do Céu Anterior lida com forças espirituais, enquanto o Ba-guá do Céu Posterior lida com forças materiais.

Olho Vivo

Não existe, repito, grandes problemas nessa escolha. Basta comparar bem os desenhos que estão aqui com os Ba-guás encontrados em lojas. Você vai ver que 99% deles são do Céu Posterior, incorretos para aplicar na porta da casa! É uma pena que muitas pessoas comecem a inventar coisas em Feng Shui sem o devido estudo. A filosofia chinesa é algo árduo de se aprofundar, mas bastante gratificante. Se você algum dia comparecer a uma aula ou palestra minha, posso demonstrar filosoficamente tudo o que foi dito aqui. Em filosofia Taoísta é assim: c.q.d. (Como Queríamos Demonstrar. Lembra-se das aulas de matemática?)

Crença ou Ciência?

Não se esqueçam que o Feng Shui é uma ciência. Portanto você não precisa acreditar na eficiência do Ba-guá para que ele funcione. Ignore solenemente quem disser o contrário. O Ba-guá funciona no sistema de "Ondas de Forma", de maneira similar ao dos gráficos radiestésicos. Portanto, sua função é energética e real, acredite você ou não. Por falar nisso, você sabia que nem sempre é necessário colocar o Ba-guá na sua porta? Mas isso fica para outra oportunidade…

 

 

Gilberto Antônio Silva é jornalista, terapeuta e escritor. Estuda filosofias e culturas orientais desde 1977 e é autor de mais de uma dúzia de livros. É um dos maiores pesquisadores e divulgadores do Taoismo no Brasil, além da cultura oriental e artes marciais.

site: www.laoshan.com.br

Books!
Shop!
FacebookTwitterGoogle Bookmarks
Scroll to top